Cuidando do seu Bebê – O décimo oitavo mês

Aos dezoito meses, a criança anda sozinha, quase correndo. Essa idade é o limite normal para o início da linguagem.

Quanto ao seu desenvolvimento, aos 18 meses, o peso médio dos meninos é de 10.800 a 11000g e das meninas 10.600 a 10.800g. A estatura média é de 80cm para os meninos e 79cm para as meninas. O ganho de peso mensal é de 200g.

18 mesesCom dezoito meses, as crianças são ativas, alegres, agitadas, às vezes inoportunas e cansativas, enfim um tormento encantador. Devemos ter paciência e bom humor com as suas travessuras, que são necessárias, pois estarão fortalecendo a musculatura e aperfeiçoando suas habilidades.

Num passeio, não quer mais ficar no seu carrinho, quer andar sozinha. Agora ela vive testando sua força, empurrando móveis e querendo levantar objetos pesados, tenta pular com os dois pés e já quer subir as escadas de pé. O lápis é a sua grande distração; ela o segura forte e rabisca tudo o que vê pela frente: paredes, mesas, roupas, rostos, mãos, papel….percebendo que assim deixa marcas, se anima e se diverte com isso. Já se reconhece num retrato e diz o seu nome, já sabe de onde é um objeto, já encaixa uma peça num quebra-cabeça simples e pode brincar sozinha por até 30 minutos.

Agora a criança já está começando a falar e conseguirá mais cedo se os pais e familiares a escutarem com paciência, a animarem e conversarem com ela sem querer corrigi-la a todo instante para falar direito. com certeza já sabe umas doze palavras.

Quanto à educação, a criança já deve ser preparada para que se comece a portar de acordo com as necessidades de sua saúde, segurança, as exigências no lar e na sociedade. Ainda não sabe obedecer certas ordens, porque ainda não está suficientemente madura para entender ordens verbais, mas alguns gestos enérgicos ou cara zangada serão úteis. Uma boa ideia nesta fase é chamar a sua atenção para outra atividade sempre que estiver fazendo algo de errado. A finalidade da disciplina não é tirar a liberdade, e sim dar à criança autonomia e segurança dentro de suas possibilidades. Ela deve ser imposta de tal modo que não exista vencidos e nem vencedores. Ás vezes, o que parece desobediência é na verdade um ato de aprendizagem, precisamente entre o primeiro e o terceiro ano.

Aos 18 meses começam a aparecer os problemas com alimentação, quando a velocidade do crescimento diminui e o apetite também. A criança começa a perceber o que gosta e o que não gosta, começa a ter um paladar próprio. Algumas crianças podem tentar usar a colher, o garfo e o copo nas suas refeições, mas somente aos três anos é que conseguirão usá-los completamente. O leite continua sendo o grande alimento e já podem ser oferecidos os achocolatados para ajudar na sua ingestão.

FORMAÇÃO DA PERSONALIDADE NO DÉCIMO OITAVO MÊS

Evolução motora: Anda sozinha, quase correndo. Sobe numa cadeira. Está em toda parte, cheia de energia, mexendo nas gavetas e nos armários.

Comportamento emocional: Presta atenção à música. Marcha, sacudindo o corpo todo, acompanhando uma música.

Capacidade de adaptação: Imita traços retos na escrita. Arma em torre três a cinco cubos. Procura socorro quando está em dificuldade.

Progresso da linguagem:  consegue falar bem de cinco a dez palavras. Usa alguns adjetivos. diz obrigado. Organiza frases com duas palavras justapostas.Fala de si na terceira pessoa pois o “eu” só será usado por volta dos dois anos e meio.

Comportamento pessoal e social: Abraça bonecos com afeição. Tem atenção rápida e breve.

Brinquedos: Animais para empurrar, blocos construtivos, caixa de areia, com pá e baldinho. O ambiente propício para a criança brincar é muito importante. Os playgrounds não são próprios para crianças com menos de três anos de idade. Brinquedos envelhecidos e sujos de ferro, parafusos enferrujados, etc… podem causar problemas. Brinquedos muito tempo expostos ao sol podem queimar a criança. Gramados devem em que foram aplicados pesticidas ou herbicidas só podem ser utilizados depois de 48 horas. Atenção! Com dezoito meses a criança ainda não estará em condições de brincar com as outras crianças, apesar de se interessar por elas e brincar ao seu lado. Gosta de brincar com bolas, de correr, de pegar e ser pega, de esconde-esconde, adora barulho, ouvir música e dançar.

Aos  dezoito meses a moleira já deverá estar fechada. Se isso não acontecer, é sinal de que há um distúrbio na assimilação do cálcio, devido à deficiência na ingestão de leite, de vitamina D ou falta de ar livre e sol. A possibilidade de um início de raquitismo deverá ser analisada.

Agora é hora do reforço da vacina contra poliomelite, e da tetravalente ( difteria, tétano, coqueluche, meningite).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CommentLuv badge